Pular para o conteúdo

22 2723-8305

São Fidélis se une contra a privatização da água

Sindicato convoca a população Fidelense para reunião com o prefeito na próxima segunda, 08:00 horas, com direito a café da manhã.

Na luta em defesa da água pública, o Staecnon/RJ, juntamente com a população do Município de São Fidélis, mobilizou, nesta sexta-feira (22/10), um grande ato contra a privatização da Cedae. Além dos dirigentes sindicais Hélio Anomal, Josemar Violante e Nivaldo Marques, a manifestação contou também com a participação de Davi Loureiro, do Dr. Sebastião Neto, Sidney Siqueira e do pastor Wandeson (Dinho).

A concentração aconteceu na Praça Central, de onde dezenas de manifestantes saíram em caminhada sentido a prefeitura, na expectativa de poderem ser recebidos pelo prefeito Amarildo Alcântara, infelizmente, não havia ninguém para receber a comitiva, sendo informado pelos guardas municipais que, nesta sexta, não houve expediente na prefeitura. O presidente do sindicato tentou, por diversas vezes, contato via telefone com o prefeito para que ele viesse receber a população, porém, sem sucesso.

Pelo fato das diretrizes terem sido tomadas coletivamente, diante da tentativa frustrada de serem recebidos na prefeitura, os manifestantes deliberaram e decidiram que na próxima segunda-feira (25/10), será realizado um café da manhã, em frente à prefeitura, onde será formada uma comitiva que irá se dirigir, em nome da população fidelense, ao gabinete do prefeito Amarildo Alcântara, para tratar exclusivamente sobre a privatização da água.

CHATUBA ENTRA NA LUTA CONTRA A VENDA DA ÁGUA

Neste sábado (23/10), a comunidade da Chatuba estará mobilizada em uma reunião coletiva, com todos os moradores, na quadra, às 16 horas, para discutir os grandes prejuízos que a venda da água trará para os moradores, principalmente os mais humildes.

Água é vida. Prefeito Amarildo, mantenha sua palavra!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.